Loading...

Ativos

Apesar da RDC 19/2013 contemplar critérios de uso apenas para o DEET, outros ativos repelentes podem ser utilizados. Esses ingredientes são reconhecidamente seguros para uso em produtos cosméticos conforme compêndios de ingredientes cosméticos internacionais.

DEET (Dimethyl Toluamide): Desde seu desenvolvimento pelo Departamento de Defesa dos Estados Unidos nos anos 40, este ativo sintético que afeta o funcionamento de receptores sensoriais das antenas dos insetos é largamente utilizado em formulações repelentes. Ele é considerado seguro para uso em seres humanos pelas principais agências de saúde, no entanto, se usado em altas concentrações pode causar erupção cutânea, irritações oculares e até induzir danos neurológicos.
A eficácia é diretamente proporcional à concentração do ingrediente na formulação, mas a Anvisa faz algumas restrições: O uso é permitido em crianças de 2 a 12 anos desde que a concentração não seja superior a 10%, evitando-se o uso prolongado, em no máximo 3 aplicações diárias; Formulações com concentração de ativo igual ou superior a 30% são permitidas para pessoas com idade superior a 12 anos, desde que sejam avaliados o risco e a frequência de aplicação; Não é permitido utilizá-lo em crianças menores de 2 anos, salvo em situações extremas e restrita a 1 aplicação diária, contudo, pode ser usado em mulheres grávida, pois não causa efeitos no bebê.
Recomenda-se o DEET em concentrações de 7 à 10% para ação repelente curta (até 2 horas) e de 20 à 30% para períodos maiores de ação repelente (até 6 horas). 

Icaridin (Hydroxyethyl Isobutyl Piperidine Carboxylate): Também conhecido como Picaridin ou KBR 3023, foi desenvolvido nos anos 1980 a partir da pimenta preta e, além de ter um cheiro mais agradável e ser compatível com plásticos e tecidos sintéticos, sua evaporação mais lenta lhe garante performance igual ou superior ao DEET com a necessidade de menos reaplicações, ao mesmo tempo em que tem se mostrado menos irritante para os olhos e a pele, podendo ser usado em grávidas e em crianças a partir dos 2 anos.
A recomendação de uso para proteção de 3 à 5 horas varia de 5 à 10%, entre 20 e 25% para até 10 horas. 

IR3535 (Ethyl Butylacetylaminopropionate): É um análogo sintético do aminoácido alanina e vem sendo usado na Europa há mais de 20 anos como uma alternativa repelente baixa toxicidade ou alergias até mesmo para pessoas com sensibilidade, pois não é lesivo sequer quando ingerido ou inalado, mas pode irritar os olhos e danificar plásticos. Por estas características de segurança, é a única substância recomendada pela Anvisa para uso em crianças a partir de 6 meses (embora a agência já tenha registrado para este fim produtos à base de Icaridina). 
Seu tempo de ação repelente médio é de 4 horas. 

Óleos naturais:  São usados como repelentes há décadas, alguns registrados pela Anvisa, mas também são potencialmente alergênicos e podem causar irritação cutânea. Sua eficácia ainda é menor quando comparados ao DEET devido a sua alta volatilidade, mas são alternativas para os produtos com apelo mais natural, embora costumem ser usado em sinergia com substâncias repelentes sintéticas.

Óleo de citronela: Tem propriedades cosméticas interessantes, é eficaz por até 2 horas usado à 20% na fórmula. Entretanto, é potencialmente irritante e não são raros os casos de eczemas de contato causados por este produto.

Óleo de eucalipto-limão: À 30%, confere proteção repelente por um período de 4 à 6 horas, comparável a 20% de DEET, mas, por ser fotossensibilizante, pode causar manchas na pele. Estudos associando eucalipto-limão com óleo de capim-limão (Cymbopogon citratus) relatam proteção por mais de 6 horas contra o gênero Anopheles. 

Óleo de soja: Inibe picadas de Aedes  por cerca de 2 horas quando à 2% de concentração na fórmula, no entanto, não impede a aproximação do mosquito, apenas dificulta sua permanência sobre a pele.

Outros óleos essenciais citados na literatura médica são tomilho, hortelã-pimenta, cedro, patchouli, cravo-da-índia, geraniol, andiroba e copaíba

endereço

Avenida Golfinho, 278 - Sobre Loja - Bairro Residencial Aquário Vinhedo/SP - 13.284-036

TELEFONE

(11) 9.7030-2777

email / support

contato@augepesquisas.com.br

Entre em contato

Preencha o formulário abaixo

Preencha o formulário abaixo para tirar suas dúvidas e em breve um de nossos representantes entrará em contato.

Top